Universidade boliviana busca parceria com a Embrapa Rondônia

Foto Janaina Araujo


O chefe-geral da Embrapa Rondônia Alaerto Marcolan recepcionou o grupo e, após apresentar as ações da Unidade nas áreas de interesse dos professores, o grupo realizou a visita aos Laboratórios da Unidade

Um grupo de 15 professores e dois estudantes da Universidad Autónoma del Beni “José Ballivián” (UABJB) esteve na Embrapa Rondônia, no dia 27 de maio, para conhecer a infraestrutura, assim como, as atividades de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação que encontram-se em andamento na Unidade. O grupo também visitou os Laboratórios de Sanidade Animal, Biologia Molecular, Solos, Entomologia e Sementes. O interesse em promover uma maior interação institucional entre a UABJB e a Embrapa Rondônia foi um dos temas discutidos com a Chefia Geral da Unidade e, a elaboração de um convênio de cooperação e intercâmbio entre a Embrapa e a Universidade parece ser uma ação de colaboração que beneficiará ambas instituições, estendendo parcerias já existentes.

O chefe-geral da Embrapa Rondônia Alaerto Marcolan recepcionou o grupo e, após apresentar as ações da Unidade nas áreas de interesse dos professores, o grupo realizou a visita aos Laboratórios da Unidade. “É importante para a Embrapa e para a agricultura e a pecuária de Rondônia e região Amazônica fortalecermos as relações e trocas de conhecimentos com os países vizinhos”, destaca Marcolan. A responsável pela articulação internacional da Embrapa Rondônia, Lúcia Wadt, também participou do encontro.

A pesquisadora Luciana Brito conta que já existem ações em parceria com esta Universidade. “O professor Carlos Arturo Mariscal Padilla, da Faculdade de Medicina Veterinária desta Universidade, já é parceiro e, através dele, estamos finalizando um Memorando de Entendimento (MEN) com a UABJB que deverá ser assinado pela Presidência da Embrapa”, afirma. A pesquisadora explica que o projeto recém-aprovado ‘Dinâmica da infecção por Babesia bovis, Babesia bigemina e Anaplasma marginale em bovinos e bubalinos na Amazônia’ é o instrumento que possibilitará a realização desse convênio, uma vez que Padilla auxiliará com atividades do projeto. Além disso, estão sendo organizados com o professor a realização de cursos de capacitação ministrados por pesquisadores da Embrapa e colaboradores em temas relacionados com a parasitologia animal e aplicação e uso de ferramentas de biologia molecular na Sanidade Animal para docentes e discentes da UABJB.

Segundo o professor Padilla, as ações de cooperação e intercâmbio com a Embrapa são fundamentais. “Somos irmãos na área da Ciência, divididos apenas por um rio. Não existe diferença na Ecologia, apenas no mapa. Portanto toda informação da Embrapa contribuirá para nós e garantirá a saúde pública, segurança alimentar e a preservação do meio ambiente em nosso país. Temos potenciais e riquezas, tendo acesso ao conhecimento rico da Embrapa teremos melhores resultados nas pesquisas”, ressalta Padilla.

O estudante Gonzalo Ivan Mita Campos comentou durante a visita que a Embrapa tem grande importância para a agropecuária, com suas pesquisas, e está sempre de portas abertas para o intercâmbio com outras instituições. “A Embrapa tem uma estrutura moderna que permite realizar as pesquisas, trabalha com últimas tecnologias e com profissionais altamente capacitados e eu, como futuro médico veterinário, gostaria muito de ter capacitação em parceria com esta valorosa instituição”, conclui.

Seja o primeiro a comentar on "Universidade boliviana busca parceria com a Embrapa Rondônia"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*