RR: Suely Campos pede apoio de ministro para demandas da Saúde

Governadora Suely Campos e deputado federal Hiran Gonçalves apresentaram demandas ao ministro Ricardo Barros em audiência na tarde desta terça-feira

Brasília (DF) – Em reunião com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a governadora Suely Campos tratou de questões importantes para a melhoria da assistência em Roraima. Foi solicitada a concretização de um acordo para a realização de cirurgias ortopédicas, implantação do serviço de radioterapia, e apoio para a construção de mais um bloco no Hospital das Clínicas, além de custeio de débitos referentes a leitos de retaguarda.

A audiência teve a participação do deputado federal Hiran Gonçalves (PP). Foram discutidas as pendências de emendas parlamentares, já liberadas, voltadas para a Saúde. O ministro se mostrou sensível às reivindicações e disse que vai analisar todos os pleitos. Para isso, foi acertado o detalhamento de cada pedido em uma reunião pré-agendada para a próxima semana, também em Brasília, com o secretário estadual de Saúde, César Penna.

Para Suely Campos, a reunião foi proveitosa, uma vez que a concretização destas demandas irá trazer inúmeros benefícios para a população. “São questões importantes para o nosso Estado, por isso, temos esperança de que iremos conseguir o apoio do Governo Federal para proporcionar mais estas melhorias para a Saúde da nossa população”, enfatizou.

PEDIDOS – Um dos pleitos é reduzir significativamente a demanda de TFDs (Tratamentos Fora de Domicílio), por meio de um Convênio de Cooperação Técnica com o Into (Instituto de Traumatologia e Ortopedia) do Rio de Janeiro, para a realização de cirurgias ortopédicas em Roraima.

A especialidade é uma das principais responsáveis pelo envio de pacientes para fora do Estado. Só no ano passado, 72 pessoas saíram de Roraima para fazer cirurgias ortopédicas em outras unidades da federação. Além da economia de recursos públicos, a parceria com o Into trará mais humanização ao tratamento, pois os pacientes poderão se recuperar mais perto da família.

Outro pedido da governadora foi a realização de um convênio, no valor de R$ 14 milhões, para a construção de mais um bloco no Hospital das Clínicas, além de outras melhorias como a ampliação dos setores de Hemoterapia e Hematologia da unidade, que passará a ter condições de atender um número maior de pacientes com rapidez e qualidade. A construção dos dois primeiros blocos do hospital está em fase final, com expectativa de inauguração para o segundo semestre deste ano.

As emendas parlamentares que estavam pendentes e foram liberadas, preveem uma série de melhorias para a área da Saúde, incluindo aquisições necessárias para a conclusão do hospital.

A governadora pediu ainda a regularização de repasses do Governo Federal referentes ao custeio de leitos de retaguarda credenciados no Hospital Lotty Iris, com débitos pendentes de 2014 e 2015, no valor de R$ 4.488.000,00. A unidade oferece 44 leitos de internação, que receberam 1.465 pacientes em 2015 e 438 entre janeiro e abril deste ano.

Radioterapia – Suely Campos também cobrou celeridade no processo de implantação do serviço de radioterapia, considerando que Roraima é o único Estado que não dispõe do serviço no país, embora esteja incluído no Plano Nacional de Expansão da Radioterapia, do Ministério da Saúde. A proposta é que o ministério construa o prédio, coloque o aparelho de radioterapia e arque com manutenção durante 5 anos. Caberá ao Estado a contratação de profissionais, a compra de mobiliário e demais equipamentos para equipar o prédio, que deverá ser construído entre o HGR (Hospital Geral de Roraima) e o Hemoraima (Hemocentro de Roraima).

Durante o encontro, Suely enfatizou que os pacientes oncológicos que necessitam do serviço de radioterapia são encaminhados principalmente para Rondônia, por meio de TFD, o que além de custar caro para o Estado, é um transtorno para os pacientes que precisam se afastar de seus lares para obter tratamento.

Seja o primeiro a comentar on "RR: Suely Campos pede apoio de ministro para demandas da Saúde"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*