Governo do Acre cria sistema online de busca de informações para o IML

Foto: Divulgação


Rio Branco (AC) – O Instituto Médico-Legal (IML) ganhou uma nova ferramenta para facilitar a identificação de cadáveres que chegam ao local.

A plataforma está disponível em fase de testes a partir desta semana, e foi construída pela Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Sect), em parceira com a Secretaria de Estado da Polícia Civil e a Secretária de Estado de Comunicação.

O portal foi criado para que o público possa consultar de maneira rápida e sem precisar ir até a sede do IML. Para conseguir as informações, basta preencher alguns campos, como data completa da busca e a cidade, e repetir alguns códigos.

“É uma ação na qual a tecnologia é colocada a serviço do público. Por meio da plataforma, qualquer cidadão poderá fazer sua consulta de forma rápida”, diz o diretor de modernização da Sect, André Gasparine.

O diretor-geral do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), Haley Vilas, explica que os funcionários do IML irão dispor o máximo de informações possíveis, como características do corpo, vestimentas e sinais de nascença, entre outros.

“É uma forma de modernizar e dar mais celeridade ao nosso atendimento. Antes trabalhávamos com uma espécie de livro, tudo de forma manual, o que dificultava a informação. Com esse novo sistema, a pessoa não precisará nem vir ao prédio para colher as informações de que necessita”, diz.

Demais dados, como causas preliminares da morte, também serão disponibilizados. Posteriormente, após os exames, a página será atualizada com a causa real da morte. O portal funcionará somente em Rio Branco e Cruzeiro do Sul.

Seja o primeiro a comentar on "Governo do Acre cria sistema online de busca de informações para o IML"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*