UGT debate Reforma trabalhista e terceirização em Seminário Jurídico

Ricardo Patah

Curitiba (PR) – A União Geral dos Trabalhadores (UGT) promoverá o 2º Seminário Jurídico Nacional. O evento acontecerá na quinta-feira, 7 de julho, no Hotel Bourbon, em Curitiba, Paraná. 

Para o encontro, estão confirmadas as presenças de Ricardo Patah, presidente nacional da UGT, do presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Ives Gandra Martins Filho; do ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira; o governador do Paraná, Beto Richa; o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, e diversas autoridades  do judiciário nacional. 

No Seminário serão debatidos temas pertinentes ao mundo do trabalho e ao atual cenário político nacional, entre eles, as questões que envolvem a relação entre o trabalhador e empregador, caso do Projeto de Lei 4330/04, que tramita atualmente no Senado como Projeto de Lei da Câmara 30/15 e tem com finalidade regulamentar a terceirização de serviços para todas as atividades, inclusive a chamada “atividade fim”. 

Segundo Ricardo Patah, o Seminário promete ser um ótimo momento de reflexão sobre o atual momento que a classe trabalhadora vive, uma vez que toda a sociedade está sobre a sombra dos 55 projetos, que tramitam na Câmara ou no Senado, e que podem virar do avesso as leis trabalhistas, os direitos das crianças e dos adolescentes e os avanços nos direitos das mulheres. Ou seja, todas as garantias que viraram lei, desde a promulgação da Constituição de 1988.

Seja o primeiro a comentar on "UGT debate Reforma trabalhista e terceirização em Seminário Jurídico"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*