Inspeção garante qualidade sanitária dos laticínios do Acre

Iogurte é um dos produtos produzidos a partir do leite de dezenas de produtores familiares de Sena Madureira (foto: Leônidas Badaró)


Um das principais atribuições do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Acre (Idaf) é vistoriar as condições sanitárias exigidas pela legislação em empreendimentos onde há manuseio de alimentos que serão consumidos pela população.

Esse trabalho é realizado pelo serviço de inspeção do instituto, que orienta os estabelecimentos a se adequarem de acordo com o que é determinado pela política de defesa sanitária.

Equipamentos do laticínio inspecionado pelo Idaf adquire a produção de leite de 17 produtores familiares (foto: Leônidas Badaró)

Um exemplo da parceria entre o Idaf e a iniciativa privada para garantir um produto de qualidade na mesa do consumidor vem de um laticínio em Sena Madureira.

Atualmente, a empresa beneficia mil litros de leite por dia. Além da produção de leite pasteurizado, tipo “barriga mole”, o laticínio produz queijo e iogurte e, dentro de pouco tempo inicia a produção de manteiga.

A empresa adquire a produção de 17 produtores rurais e, segundo Eluzai Areal, um dos sócios do laticínio, se orgulha de pagar o maior valor por litro de leite em todo o estado. ““Mesmo nessa crise, estamos pagando o melhor preço para o produtor, que é de 90 centavos por litro de leite, indo pegar na propriedade.”

Eluzai explica, ainda, que a parceria com o Idaf foi fundamental, já que seu laticínio foi orientado sobre os procedimentos necessários para garantir as condições higiênico-sanitárias na produção do leite e seus derivados. “Nosso objetivo sempre foi trabalhar de forma correta, e o governo tem sido um parceiro importante, tanto na orientação quanto com equipamentos, como é o caso da queijaria que recebemos”, explica.

Ronaldo Queiróz, diretor-presidente do Idaf, acompanhado do proprietário e de técnicos do governo, visitou laticínio em Sena Madureira (Foto: Leônidas Badaró)

Garantia da saúde pública

José Lucenildo de Lima é médico veterinário do instituto e responsável pela inspeção na região de Sena Madureira. Ele conta como é realizado o trabalho. “Quando o leite chega ao laticínio, nossos agentes realizam testes para verificar a qualidade do produto. Também fazemos testes do produto final dos laticínios. Enviamos para laboratórios, que identificam a presença de qualquer componente que seja prejudicial à saúde”, afirma Lima.

Durante visita ao empreendimento em Sena Madureira, Ronaldo Queiróz, diretor-presidente do Idaf, afirmou que a intenção do instituto é ampliar a parceria com o setor produtivo do Acre. “Estamos falando de saúde pública. O Idaf tem se constituído ao longo dos anos num parceiro dos empreendedores que querem colocar no mercado um produto de qualidade e que atenda à legislação.”

Seja o primeiro a comentar on "Inspeção garante qualidade sanitária dos laticínios do Acre"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*