Seaf lançará primeiro diagnóstico sobre a agricultura familiar do Estado do MT

Gcom-MT/Junior Silgueiro

Dados também farão parte de plataforma online e auxiliarão na formação de Política Estadual da Agricultura Familiar

Cuiabá (MT) – A Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf) iniciou mais uma etapa de elaboração do primeiro Diagnóstico da Agricultura Familiar de Mato Grosso. Nesta quarta-feira (27.07), profissionais de diversas entidades ligadas à área se reuniram para avaliar os dados coletados ao longo de quatro meses de trabalho. Os números foram coletados junto a cerca de 50 entidades que atuam na área.

A expectativa é que até o mês de setembro o Diagnóstico seja lançado. O documento contará com duas versões, sendo uma voltada aos profissionais que atuam na área técnica, e uma edição específica para os trabalhadores da agricultura familiar.

Outro produto a ser lançado pela Seaf será uma plataforma digital com todos os dados coletados, ilustrados em mapas, gráficos e imagens. A expectativa é que este material seja lançado em dezembro deste ano. Já sobre o Plano Estadual da Agricultura Familiar, a ideia é de que este seja apresentado à sociedade até março de 2017.

As informações da plataforma online poderão ser utilizadas para a formulação, implementação e monitoramento das políticas públicas voltadas ao desenvolvimento rural sustentável. Dessa forma, o sistema poderá contribuir para a geração de renda, respeitando o indivíduo, a sociedade e o meio ambiente, conforme determina o decreto estadual nº 397, de 15 de janeiro de 2016.

Coordenador do diagnóstico e servidor da Seaf, George Lima explica que devido a carência de Mato Grosso em relação a dados sobre a agricultura familiar, a Secretaria deu início a este trabalho ainda em novembro do ano passado. “Após a análise dos dados, que será feita até quinta-feira (28.07), levaremos estas informações aos consócios municipais para realização de consultas públicas. Dessa maneira poderemos coletar sugestões para a formatação do Plano Estadual da Agricultura Familiar”.

Titular da Seaf, Suelme Fernandes explica que a elaboração do primeiro diagnóstico irá contribuir para melhor elaboração de políticas públicas e utilização eficiente do dinheiro público.

“Não é possível trabalhar política pública de forma improvisada. Precisamos ter planejamento sério, diagnósticos concretos para que possamos atuar na realidade. É preciso ter instrumentos de precisão para investir adequadamente o dinheiro publico. Este é um passo importante e histórico para a agricultura familiar. O primeiro diagnóstico que se constitui, junto a diversas entidades, e que de fato vamos poder entender o que acontece na agricultura familiar, quais são seus gargalos e possibilidades. Além disso, os dados também serão patrimônio para construção da Política Estadual da Agricultura Familiar”, reforçou Fernandes.

Pesquisadora do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam), Edinuza Rodrigues, explica que a parceria com o Estado é de fundamental importância, inclusive para a continuidade de melhorias para o setor. Além disso, o Ipam será o responsável por desenvolver a plataforma online que contará com os dados consolidados relacionados à agricultura familiar de Mato Grosso.

“O Ipam trabalha buscando resposta junto ao bioma sustentável da Amazônia e Mato Grosso faz parte deste bioma. É um estado muito importante para a instituição. Há 20 anos a instituição trabalha aqui, por meio de pesquisa, e entendemos que apoiar a elaboração de políticas públicas junto com o Governo é um grande investimento. O levantamento dos dados e a formalização do diagnóstico irá nos auxiliar nas soluções para o setor e ainda trabalhar de forma focada”, destacou Edinuza Rodrigues.

Seja o primeiro a comentar on "Seaf lançará primeiro diagnóstico sobre a agricultura familiar do Estado do MT"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*