Prato para Todos distribui 767 mil quilos de alimentos a comunidades carentes no RS

O programa atende mais de 40 mil pessoas por mês, das quais metade são crianças, 350 entidades sociais, 14 fazendas de jovens em recuperação e 180 famílias do entorno da Ceasa - Foto: Daniela Barcellos/Palácio Piratini


Porto Alegre (RS) – O primeiro relatório de avaliação do programa Prato para Todos foi apresentado nesta quarta-feira (3), no auditório do Sesc. O programa atende mais de 40 mil pessoas por mês, das quais metade são crianças, 350 entidades sociais, 14 fazendas de jovens em recuperação e 180 famílias do entorno da Ceasa. O evento teve a presença do governador José Ivo Sartori, da secretária de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori, e do secretário do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Tarcisio Minetto.

As doações durante este semestre chegaram a 720 mil quilos de hortifrutigranjeiros, 41 mil quilos de pães e seis mil quilos de farinha de soja, por meio de convênios com empresas cadastradas. O projeto também terá, a partir de setembro, doações de feijão, arroz e leite em pó da Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA).

O governador ressaltou a importância do programa como incentivo à solidariedade. “A iniciativa não é apenas uma política pública. É o cumprimento de uma missão humana, de quem se compadece com a fome, que ainda existe. É a solidariedade materializada”, afirmou.

Para a secretária Maria Helena Sartori, a sociedade e o governo, juntos, têm papel fundamental na luta contra a fome e pela inclusão social, e destacou a importância das instituições e dos voluntários para o programa. “As entidades e as pessoas que fazem parte deste programa são multiplicadoras de novos hábitos de aproveitamento de alimentos, de combate ao desperdício e de crescimento pessoal e econômico”, lembrou.

O presidente da Ceasa, Ernesto Teixeira, falou que o programa começou com apenas 30 famílias, atualmente já tem 180 beneficiários e vai continuar crescendo. “Podem ter certeza, em dezembro, nós estaremos ainda maiores”, declarou.

O projeto tem um ônibus-escola da Ceasa para ministrar as oficinas de aproveitamento integral dos alimentos. De novembro de 2015 a agosto de 2016, foram 35 oficinas, em 22 bairros de Porto Alegre. Até o final do ano, serão 1,6 mil pessoas capacitadas. Conta também com 280 jovens que atuam como voluntários e, ao final do dia, levam ranchos para as fazendas de recuperação onde moram.

O evento teve a participação de 300 entidades beneficiadas pelo programa. Representantes dessas instituições falaram da importância do Prato para Todos nas comunidades. “É gratificante quando vemos as crianças carregando suas sacolinhas, enquanto aguardam para receber um pequeno rancho que conseguimos fornecer”, afirma Gisele Melo, representante do Projeto Surfar.

Prato para Todos

Lançado no dia 16 de outubro de 2015, o programa oferece alimentos e educação nutricional para pessoas de baixa renda. É uma ação da Ceasa/RS e da Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), em parceria com o Sistema Fecomércio-RS/Sesc e a empresa Seven Boys.

Os alimentos distribuídos são doados por atacadistas e produtores da Ceasa/RS. No Banco de Alimentos, os voluntários do programa ajudam na triagem dos produtos a serem destinados a entidades e famílias cadastradas.

Além de prover alimentação de qualidade, o Prato para Todos desenvolve ações educativas. O ônibus-escola do Sistema Fecomércio-RS/Sesc vai às entidades e associações cadastradas, e nutricionistas ministram cursos sobre como aproveitar frutas e legumes integralmente no preparo de várias receitas. Os participantes recebem também um livro com receitas. Nas visitas educacionais,  o Sesc/RS leva opções de lazer para crianças.

Com isso, além de prover alimentação, o programa desenvolve ações educativas junto às comunidades. O ônibus-escola do Sistema Fecomércio-RS/Sesc vai percorrer entidades e associações cadastradas, e nutricionistas ministrarão cursos sobre como aproveitar frutas e legumes integralmente no preparo de várias receitas. Os participantes recebem também um livro com receitas. Além de capacitar cozinheiras, o Sesc/RS levará opções de lazer para crianças em suas visitas educacionais.

Seja o primeiro a comentar on "Prato para Todos distribui 767 mil quilos de alimentos a comunidades carentes no RS"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*