Com Ban Ki- moon, governador Beto Richa enaltece esforços pela erradicação da pobreza

Governador Beto Richa durante encontro com o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, junto com o ministro das Relações Exteriores, José Serra, e a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa. Foz do Iguaçu. Foto: Pedro Ribas/ANPr

Foz do Iguaçu (PR) – O governador Beto Richa reuniu-se neste sábado (06), em Foz do Iguaçu, com o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki- moon, que está no Brasil para acompanhar as Olimpíadas 2016 e foi conhecer as Cataratas do Iguaçu. Acompanhado do ministro das Relações Exteriores, José Serra, e da secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, o governador participou do jantar oferecido pelo diretor-geral da Itaipu, Jorge Samek, e enalteceu os esforços da ONU pela erradicação da pobreza e pela paz no mundo.

Richa ressaltou que o Paraná tornou-se o primeiro estado brasileiro a adotar as metas globais definidas pelas Nações Unidas para o desenvolvimento sustentável. Uma delas é a erradicação da pobreza. No dia 27 de julho, o governador assinou decreto incluindo os 17 objetivos previstos na Agenda 2030, como meta do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social do Paraná.

“O Paraná é o primeiro estado do Brasil a assinar esse decreto instituindo esse conselho, que vai cuidar da realização dos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio, voltados ao combate à pobreza, desigualdades sociais, questões ambientais, enfim, que garantam qualidade de vida à população”, afirmou o governador.

Com o decreto, o Paraná se compromete a investir em ações nos cinco eixos do desenvolvimento sustentável, que são pessoas, planeta, parcerias, prosperidade e paz.

O Estado já tem várias iniciativas para erradicação da miséria e para o desenvolvimento sustentável, com políticas públicas que podem ser compartilhadas no Brasil e na América Latina. Um exemplo é o Família Paranaense, que é o principal programa do Governo do Paraná para a superação da pobreza e emancipação das famílias. O programa alia erradicação da miséria e inserção no mercado de trabalho, e é considerado modelo pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento.

AÇÃO COORDENADA – Definida em setembro de 2015, pelos 193 países-membros da ONU, a nova agenda de desenvolvimento propõe uma ação mundial coordenada entre os governos, empresas, academia e sociedade civil, para alcançar os 17 objetivos e suas 169 metas. O objetivo é pôr fim à pobreza e promover vida digna para todos por meio do desenvolvimento sustentável.

Os 17 objetivos são: erradicação da pobreza; acabar com a fome incentivando a agricultura familiar; oferecer condições de saúde e bem-estar a todos; garantir educação de qualidade; igualdade de gênero; assegurar a todos água potável e saneamento; energia limpa acessível; trabalho decente e crescimento econômico; promover a industrialização inclusiva e inovadora; assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis; combater a mudança do clima e os seus impactos; conservar a vida nos oceanos; conservar a vida terrestre; garantir paz, justiça e instituições eficazes, e fortalecer parcerias para o desenvolvimento sustentável.

FRONTEIRA – O ministro José Serra aproveitou sua passagem pelo Paraná para discutir com Richa os projetos do Itamaraty para as áreas de fronteira. “As duas principais ações do Itamaraty em áreas fronteiriças são os avanços que a hidrovia Paraguai-Paraná proporcionará à região e a cooperação com os países vizinhos no combate aos crimes transnacionais, como o tráfico de drogas, contrabando de armas e mercadorias”, disse Serra.

Ele também comentou os projetos do governo federal para ampliar o comércio externo e para evitar a migração de empresários brasileiros para o Paraguai. “O país tem menos impostos e livre entrada para o Brasil. Torço para que o Paraguai se desenvolva, mas temos que tomar cuidado, senão se esvaziam os estados limítrofes. O que temos que fazer é aumentar a nossa competitividade”, argumentou.

PRESENÇAS – O ministro da Saúde, Ricardo Barros, e a vice-governadora Cida Borghetti também acompanharam a solenidade.


Seja o primeiro a comentar on "Com Ban Ki- moon, governador Beto Richa enaltece esforços pela erradicação da pobreza"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*