Suspensa temporariamente greve dos médicos no Hospital das Forças Armadas

Retorno imediato

O comando de greve dos médicos civis do Hospital das Forças Armadas (HFA) se reuniu no SindMédico, e decidiu suspender temporariamente a greve e retornar a seus postos de trabalho.

A decisão partiu diante da sinalização do secretário de Gestão de Pessoas e Relações do Trabalho do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), Augusto Chiba, em dar uma resposta às reivindicações sobre o aumento do Plano de Carreiras, Cargos e Salários (PCCS), defasado desde 2009.

Ao analisar os dados orçamentários do Ministério da Defesa, o MPOG se comprometeu a responder no prazo máximo de 45 a 60 dias.

Atividades de conscientização continuarão!

Durante esse intervalo, ocorrerão atividades voltadas às mobilizações da categoria que visam a ressaltar o potencial de atendimento e efetividade do HFA.


Seja o primeiro a comentar on "Suspensa temporariamente greve dos médicos no Hospital das Forças Armadas"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*