Comitê Olímpico do Japão acompanha e aprova treinamento de voluntários realizado pela Estácio


Seis integrantes do Comitê Organizador dos próximos Jogos estiveram no Centro de Treinamento e se impressionaram com a energia e vibração dos cariocas

O Comitê Olímpico do Japão está de olho no treinamento da força de trabalho incluindo 50 mil voluntários, realizado pela Estácio para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Em três visitas desde o fim da Olimpíada, grupos de japoneses de diversas áreas do Comitê acompanharam capacitações diferentes de voluntários. Representantes da área de Transportes, Coordenação de Aeroportos, Recursos Humanos, Planejamento dos Jogos, Serviços de Eventos e Gerenciamento de Venues acompanharam sessões de treinamento no Campus Presidente Vargas da Estácio, no Centro do Rio de Janeiro.

“Gostei bastante do treinamento, ele é bem interativo com as pessoas. Os voluntários são bem animados, assim como a professora. Parabéns!”, afirmou Takashi Terasawa, diretor de Transportes do Comitê dos Jogos de Tóquio. Durante todo o treinamento, os japoneses faziam perguntas para representantes do Comitê Rio 2016 que acompanhavam a visita e também tiraram fotos dos alunos durante as dinâmicas.  Há duas semanas, um membro do mesmo Comitê avaliou positivamente o treinamento da disciplina Liderança. Ele disse que ficou impressionado com o envolvimento e a vibração da turma durante as aulas.

O coordenador e professor do curso de RH da Estácio Brasília, José Eduardo Gomide, participou de todos os cursos de treinamento, ministrados no Rio de Janeiro e destaca aspectos importantes da experiência. “A maior lição foi visualizar a importância crucial do planejamento, em todas as atividades. E levar isso para a vivência da sala de aula, tendo maior domínio de todo o plano e cronograma de ensino, oferecendo aos alunos aulas mais dinâmicas e lúdicas”, conta.

Primeira instituição de ensino no mundo a participar de uma Olimpíada, a Estácio foi avaliada pelos próprios participantes do treinamento e alcançou nota 4,9 (sendo 5,0 o máximo) de média. “Para nós é uma honra receber o Comitê de Tóquio 2020 aqui no Centro de Treinamento. A Estácio foi pioneira neste desafio e mostrou a excelência dos seus professores, que construíram conteúdos inéditos, com o DNA do brasileiro. Esperamos que outras universidades possam realizar esse treinamento dos Voluntários nas olimpíadas que virão”, afirmou Dario Menezes, diretor de Ensino da Estácio e responsável pelo projeto Rio 2016 na universidade.

 

Seja o primeiro a comentar on "Comitê Olímpico do Japão acompanha e aprova treinamento de voluntários realizado pela Estácio"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*