Jackson Barreto lamenta falecimento do escritor Antônio Carlos Viana

Escritor Antonio Carlos Viana

O governador Jackson Barreto lamentou o falecimento, na manhã deste sábado (15), do escritor e professor sergipano Antônio Carlos Viana, aos 72 anos. Ele lutava contra um câncer e estava internado em um hospital particular da capital há uma semana.

“Presto solidariedade à família de Antônio Carlos Viana, que Deus os conforte neste momento de dor. Por meio dos seus contos e livros, Antônio Carlos contribui para elevar o nome de Sergipe e mostrou com o ritmo de sua narrativa concisa um pouco das riquezas e inquietudes escondidas em detalhes aparentemente banais, nos fazendo refletir sobre as particularidades da vida. Tinha uma mente brilhante e ainda muito a contribuir para Sergipe e para literatura brasileira. Mas deixa sua marca e uma lacuna impreenchível naqueles que se encantaram com as suas obras e se inspiram no seu trabalho, seja como escritor ou professor”, disse Jackson.

Antônio Carlos Viana nasceu em Aracaju, era mestre em Teoria Literária pela PUC-RS, doutor em Literatura Comparada pela Universidade Nice, França, e foi professor da Universidade Federal de Sergipe (UFS). Escreveu vários livros e ganhou duas vezes o prêmio de literatura da Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA), um dos mais importantes do país. O primeiro prêmio foi em 2009, com o livro “Cine privê”. No ano passado, 2015, mais um prêmio da Associação Paulista, com o livro “Jeito de matar lagartas”.

Também foi autor de Brincar de manja (1974); Em pleno castigo (1981); O meio do mundo e outros contos (1993); Aberto está o inferno (2004) e publicou ainda Roteiro de Redação: Lendo e Argumentando (1997), como organizador e Guia de Redação: Escreva melhor (2011).

O escritor deixa um filho, o também escritor André Viana e sua atual companheira Maria Carolina Barcellos. O corpo foi velado na Biblioteca Epifânio Dórea, localizada na rua Vila Cristina, no Bairro 13 de Julho. O velório foi aberto ao público para quem quis prestar as últimas homenagens ao escritor e seguiu até a manhã deste domingo (16), quando o corpo foi levado para Salvador, na Bahia, para ser cremado.

Seja o primeiro a comentar on "Jackson Barreto lamenta falecimento do escritor Antônio Carlos Viana"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*