Produtores de RR desenvolvem técnica de Integração

Suely Campos: “Queremos levar ao maior número possível de produtores, colaborando para o crescimento do setor produtivo”. Divulgação

Técnica utilizada por produtores rurais em todo o Brasil, a Integração Lavoura Pecuária vem ganhando espaço em Roraima. Em um dia de campo, a governadora Suely Campos, o titular da Seapa (Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Gilzimar Barbosa, e um grupo de empresários do setor, visitaram quatro fazendas entre os municípios de Mucajaí e Iracema, que já utilizam essa técnica.

A governadora Suely Campos destacou que o objetivo das visitas é conhecer a tecnologia utilizada nestas áreas e levá-la para outras regiões do Estado. “Essa integração proporciona diversas vantagens, desde a correção do solo ao aumento da produtividade. Muitos empresários do setor já fazem isso, mas queremos levar ao maior número possível de produtores, colaborando para o crescimento do setor produtivo”, declarou.

O empresário Ermilio Paludo atua no agronegócio em Roraima há mais de 36 anos. Ele relatou que nos primeiros anos trabalhou apenas com a pecuária, mas nos últimos 15 anos passou a investir na Integração Lavoura Pecuária. “Esse sistema é a grande saída para o futuro. Nesta última colheita do milho, registrei uma produtividade de 8 toneladas por hectare. O grão foi plantado junto com capim, após a colheita já colocamos o gado no pasto. Esse ano utilizamos uma área de 300 hectares, a expectativa é dobrar essa meta para o próximo ano”, disse.

O empresário Antônio Denário trabalha com a Integração Lavoura Pecuária há sete anos. Desde então, relatou ele, houve um aumento na produtividade. “Esse sistema nos proporciona muitas vantagens. Os implementos agrícolas que utilizamos corrigem o solo e o torna mais produtivo, gerando culturas de qualidade e capim para alimentar o gado. Os animais criados nestes pastos apresentam melhor qualidade na carne”, explicou.

Ele informou ainda que com o desenvolvimento do setor, um grupo de empresários resolveu investir em um frigorífico. “Hoje temos apenas o Mafir (Matadouro e Frigorífico Industrial de Roraima. A abertura deste empreendimento só mostra o quanto o setor produtivo vem crescendo em Roraima e quanto o futuro é promissor”, pontuou.

O secretário Gilzimar Barbosa destacou o apoio do Estado para o desenvolvimento do setor.

“Hoje temos a Lei 215, que proporciona incentivos fiscais para que o agronegócio cresça em Roraima. Além disso, levamos o uso desta tecnologia para a agricultura familiar, que vem se desenvolvendo e colaborando para o crescimento econômico de nosso Estado”, concluiu.

Seja o primeiro a comentar on "Produtores de RR desenvolvem técnica de Integração"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*