Maria Gadú relata suas influências musicais em episódio de estreia da série “Canções da minha vida”

Maria Gadú


Grandes nomes da música brasileira revelam suas influências e inspirações que ajudaram a construir suas próprias identidades artísticas na série inédita e exclusiva do Curta! “Canções da Minha Vida”. Buscando compor um mosaico da MPB, a série trará artistas de múltiplos estilos, como Jards Macalé, Hamilton de Holanda, Daniel, Léo Jaime, Teresa Cristina, entre outras figuras reconhecidas da música nacional. A produção estreia no dia 30 de janeiro, às 23h30, na “Segunda da Música”, e é financiada pelo Fundo Setorial do Audiovisual. Os 13 episódios dirigidos pelo produtor musical  Bruno Levinson e produzidos pela Raccord foram gravados no estúdio do artista plástico Sergio Marimba, no Rio de Janeiro.

 

O primeiro episódio traz a cantora Maria Gadú interpretando músicas que marcaram sua história pessoal e profissional, como “Cuitelinho”, canção folclórica do início do século passado dos compositores Paulo Vanzolini e Renato Teixeira; ‘Reggae de Raiz’, de Alexandre Carlo, da banda Natiruts, a composição própria ‘Altar Particular’, entre outras. A artista também revelou muitas histórias sobre sua carreira e vida, como o despertar de seu interesse musical, que aconteceu com a canção “A História de uma Gata”, de Chico Buarque, Luiz Enriquez, Sérgio Bardotti: “Essa foi uma das primeiras músicas que eu tenho memória de decorar e de me interessar. Quando eu era pequena a minha mãe me levava para assistir “Os Saltimbancos”, que estava em cartaz em São Paulo, e tinham três sessões e eu queria assistir todas. A gente passava o dia no teatro. Eu sei a peça de ‘cor’. E essa música é a minha música dessa peça”.

 

SEGUNDA DA MÚSICA

As Canções da Minha Vida (Série)
Gravada no ateliê do artista plástico Sérgio Marimba,“As Canções da Minha Vida” é uma série musical composta de 13 episódios que faz um grande painel da música brasileira. Vamos conhecer quais as músicas mais marcantes e que influenciaram artistas importantes, como: Maria Gadú, Geraldo Azevedo, Ana Cañas, Hamilton de Holanda, Leo Jaime e Odair José. Artistas brasileiros, com seus instrumentos, irão destrinchar sua trajetória artística através das músicas que os influenciaram, que serviram de inspiração e que o ajudaram a compor seu trabalho autoral. Uma grande homenagem à música brasileira feita por seus compositores e intérpretes.
Episódio inédito – Maria Gadú

Uma das mais inspiradas artistas surgidas na última década na nossa música tem uma relação pra lá de intensa com a música. “Eu não sei se sou uma pessoa melhor ou pior por conta da minha relação com a música. É tipo a minha relação com a minha Mãe. Não sei onde ela me melhora ou piora, só sei que é parte de mim”. E para começar a nos emocionar ela interpreta “Cuitelinho”, canção meio folclórica do início do século passado que já teve versões de Pena Branca e Xavantinho e Milton Nascimento. Ainda de sua infância ela relembra “A História de Uma Gata”. Seguindo em frente ela interpreta “Reggae Raiz” da banda Natiruts e do seu repertório nos enche os olhos com versões de “Tudo Diferente”, “Altar Particular” e “Aurora”. “Eu canto porque toco violão. Comecei a cantar para não me perder nas partes das músicas que gostava de tocar”. É, ela não se perdeu mesmo!

 

Seja o primeiro a comentar on "Maria Gadú relata suas influências musicais em episódio de estreia da série “Canções da minha vida”"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*