Investimentos do governo garantem safra de milho recorde no Acre em 2017


Mais uma boa notícia vem do setor produtivo acreano. Resultado dos investimentos do governo do Estado no fortalecimento da produção rural e da parceria com os produtores rurais, a safra de milho deste ano vai ser recorde. A estimativa da Secretaria de Agricultura e Pecuária (Seap) é que em 2017 a safra alcance 50 mil toneladas de milho.

O crescimento chama a atenção, levando em consideração que a safra do ano passado foi de 20 mil toneladas.

A produção recorde representa o plantio de 15 mil novos hectares de milho no Acre. José Carlos Reis, titular da Seap, afirma que alguns fatores são responsáveis por esse crescimento, entre eles a aposta dos criadores de gado do estado na integração lavoura-pecuária.

“A entrada dos pecuaristas na agricultura tem proporcionado um grande crescimento da produção de milho. Com os resultados positivos, os produtores estão se organizando e a tendência é que cresça ainda mais a produção de milho no Acre.”

Outro fator apontado pelo gestor é a forte demanda no estado pelo grão, decorrente dos investimentos realizados pelo governo do Acre na cadeia da proteína animal. “Hoje nós temos uma demanda muito grande por causa de indústrias como a Dom Porquito, a Acreaves e o Complexo de Piscicultura que demandam milho, que é o principal componente da fabricação de rações.”

Estimativa é de que no prazo máximo de dois anos o estado consiga a autossuficiência na produção de milho (Foto: Pedro Devani/Secom)

Acre caminha para a autossuficiência na produção de milho

O objetivo do governo é promover ações que continuem a incentivar o crescimento da produção de milho no estado. E terra para que isso aconteça é o que não falta. O Acre, dos 14% de área aberta, 84% é de pastagem. A grande maioria é de área degradada, que pode ser aproveitada para a agricultura.

A produção do grão no estado está concentrada na área chamada “corredor” do milho, que compreende as regionais do Alto e Baixo Acre.

Mesmo com o crescimento, a produção de milho ainda é insuficiente para atender toda a demanda do estado. De acordo com o levantamento da Seap o Acre tem hoje 40 mil hectares plantados. São necessárias mais 20 mil hectares para a autossuficiência na produção do grão.

“Com os investimentos que estamos fazendo e a adesão cada vez maior de pecuaristas à agricultura, acredito que em dois anos seremos autossuficientes na produção de milho”, explica Reis.

Produtor recebe visitas periódicas de representantes do governo do Estado (Foto: Leônidas Badaró)

Produtores apontam apoio do governo como um dos diferenciais

Um dos exemplos de aposta na produção de milho, que contribui para que a safra deste ano seja recorde do grão, vem de Senador Guiomard, na Vila Pia, Km 53 da BR-317, sentido Boca do Acre.

Nos últimos 11 anos, o agricultor Ronnivon Passarine se decida ao plantio de milho. Do tímido início, se tornou um dos principais produtores do estado. Atualmente, são 650 hectares plantados.

“Comecei com poucos hectares. Em qualquer atividade é preciso que você conheça o processo de produção. Esse aprendizado é importante para que possamos saber o tipo de semente, quais os corretivos necessários para o solo e o combate às pragas que atacam os milharais. Assim, podemos ter uma produtividade maior”, destaca Passarine.

E falando em época certa, os produtores de milho estão iniciado o processo de colheita. No caso de Passarine, a média de produtividade é de 120 sacas por hectare, o que dever render ao final da safra cerca de três mil toneladas de milho.

“Para alcançar bons resultados é preciso investir no preparo da terra, na semente, no adubo e no fertilizante correto. Outro fator importante para conseguir uma alta produtividade é a época certa para o plantio e para a colheita. Além disso, ainda contamos com a parceria do governo”, destaca o agricultor.

Seja o primeiro a comentar on "Investimentos do governo garantem safra de milho recorde no Acre em 2017"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*