Governo do Estado reforça serviço de hemodiálise no HGR

A hemodiálise é realizada em pacientes com insuficiência renal aguda ou crônica graves


De 2014 até 2016, o número de sessões de hemodiálise realizadas no HGR (Hospital Geral de Roraima Rubens de Sousa Bento) cresceu exponencialmente e onde eram realizados em média dois procedimentos ao mês, hoje mais de 20 pessoas chegam a ser atendidas por dia.

O serviço realizado no HGR conta com quatro profissionais nefrologistas que fazem os atendimentos 24 horas por dia, nos sete dias da semana, tendo realizado quase 10 mil procedimentos em dois anos. “Esse serviço existia no HGR, mas era feito de maneira precária. A partir da parceria público-privada, conseguimos ofertar um serviço de qualidade e atender uma demanda muito maior. Para se ter uma noção, antes a média era de dois procedimentos de hemodiálise ao mês. Atualmente recebemos uma média de 10 pacientes diariamente, podendo chegar a 25 em dias de pico”, destacou o nefrologista Fabrício Lorenzi.

De acordo com Lorenzi, os números de óbitos foram reduzidos significativamente nos últimos anos. “10% dos pacientes que estão na UTI, normalmente, precisam desse procedimento. A implantação do serviço trouxe uma redução significativa das mortes”, ressaltou.

O atendimento funciona em uma sala específica, onde os pacientes recebem todos os cuidados essenciais para que o procedimento seja realizado com qualidade e segurança. No caso daqueles pacientes que estão em estado grave e não podem ser deslocados até a sala, a hemodiálise é levada até ele. “O serviço é primordial no HGR, porque é fundamental para a sobrevivência das pessoas que necessitam dele”, complementou Lorenzi.

HEMODIÁLISE

É um procedimento através do qual uma máquina limpa e filtra o sangue, ou seja, faz parte do trabalho que o rim doente não pode fazer. O procedimento libera o corpo dos resíduos prejudiciais à saúde, como o excesso de sal e de líquidos, como sódio, potássio, uréia e creatinina.

A hemodiálise está indicada para pacientes com insuficiência renal aguda ou crônica graves e é feita no HGR e por meio de uma clínica credenciada. A indicação de iniciar esse tratamento é feita pelo médico especialista em doenças dos rins (o nefrologista), que avalia o seu organismo.

DIA MUNDIAL

No dia 09 de março é comemorado o Dia Mundial do Rim. A Sociedade Brasileira de Nefrologia coordena essa campanha no Brasil e neste ano o foco é alertar a população com relação à obesidade. Por isso, a edição de 2017 vem chamar atenção para os riscos da obesidade, uma das maiores vilãs na causa da doença renal crônica – enfermidade prolongada nos rins que leva à perda progressiva e irreversível das funções renais.

Seja o primeiro a comentar on "Governo do Estado reforça serviço de hemodiálise no HGR"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*