Secretaria do Meio Ambiente e Cetesb fecham aterro sanitário


46,9 toneladas de resíduos eram jogadas diariamente em área no município de Batatais, sem tratamento adequado e licença ambiental

Um aterro sanitário que recebia diariamente 42,9 toneladas de resíduos, sem as devidas licenças ambientais e tratamento adequado, foi fechado temporariamente no município de Batatais, Região Norte do Estado.

Este é o 13º aterro interrompido nessas condições no Estado, pela Secretaria do Meio Ambiente e Cetesb, desde o início de uma campanha deflagrada para inibir esse tipo de ação de degradação do ambiente e contaminação do solo.O resíduos eram jogados em uma área ampliada do aterro sanitário original. Além de não possuir as licenças ambientais necessárias, o terreno não tinha dreno de gás e sistema de drenagem de líquidos percolados (chorume). Foi constatada ainda a falta de cobertura e a presença de grande quantidade de transmissores de doenças.A Cetesb determinou o fechamento do aterro sanitário até a regularização das condições necessárias para o seu funcionamento e a obtenção das licenças ambientais necessárias.

Seja o primeiro a comentar on "Secretaria do Meio Ambiente e Cetesb fecham aterro sanitário"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*