Brasília Cênica vai escolher 10 entidades civis para ocupar espaços culturais

Inscrição no processo seletivo começa nesta sexta (26) e segue até 26 de junho. As aprovadas terão direito a R$ 100 mil cada uma para ações de julho a novembro de 2017. Lançamento do edital foi nesta quinta (25), na Secretaria de Cultura

Com o intuito de movimentar a cena artística do Distrito Federal, a Secretaria de Cultura vai selecionar dez propostas de organizações da sociedade civil para participar do projeto Brasília Cênica. As ações deverão ocupar espaços culturais distintos com programação de julho a novembro de 2017.

O edital foi lançado nesta quinta-feira (25), na Secretaria de Cultura, e será publicado na sexta (26). Para se inscrever, os candidatos terão de preencher o formulário que estará no site da pasta e entregar a documentação no protocolo (Via N2, Anexo do Teatro Nacional Claudio Santoro).

Na mesa a subsecretária de Políticas de Desenvolvimento e Promoção Cultural, Mariana Soares; o secretário de Cultura, Guilherme Reis; e a deputada federal Érika Kokay (PT-DF).

Participaram do anúncio do edital do Brasília Cênica a subsecretária de Políticas de Desenvolvimento e Promoção Cultural, Mariana Soares; o secretário de Cultura, Guilherme Reis; e a deputada federal Érika Kokay (PT-DF). Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

“Brasília Cênica faz uma colaboração substancial às políticas de apoio aos espaços independentes do Distrito Federal, com o objetivo de fortalecer a programação, a formação e a sensibilização de novos públicos, como crianças e jovens”, pontuou o secretário Guilherme Reis.

Espetáculos de teatro, dança, circo, mímica e performance são exemplos das vertentes que poderão ser propostas pelas entidades até 26 de junho. As organizações civis selecionadas terão direito a R$ 100 mil cada uma e a apresentar até três projetos, em locais distintos.

R$ 1 milhão
Verba destinada ao Brasília Cênica

O Brasília Cênica receberá R$ 1 milhão. A verba é de emenda da deputada federal Érika Kokay (PT-DF), por meio de convênio com o Ministério da Cultura. “A arte cênica faz com que a gente reflita a nossa realidade, os fenômenos da vida”, justificou a parlamentar.

Segundo a subsecretária de Políticas de Desenvolvimento e Promoção Cultural, Mariana Soares, o projeto é resultado de diálogos com o setor cultural e visa dar resposta a antigas reivindicações da classe artística. “Chegamos ao entendimento de que só o Fundo de Apoio à Cultura [FAC] não é suficiente para atender a tantos espaços culturais no DF.”

As entidades que se candidatarem deverão ter pelo menos dois anos de experiência em projetos culturais com cunho social

As entidades que se candidatarem deverão ter pelo menos dois anos de experiência em projetos culturais com cunho social. A proposta precisa conter, no mínimo, seis atividades educativas, além da sugestão de ações para promover a sensibilização de público.

Para tirar dúvidas, a Subsecretaria de Políticas de Desenvolvimento e Promoção Cultural, fará oficinas em duas datas: 3 de junho, às 15 horas; e 19 de junho, às 19 horas. Os encontros serão no Anexo do Teatro Nacional Claudio Santoro.

Outras informações podem ser solicitadas por meio do endereço eletrônico brasiliacenica@gmail.com ou pelo telefone (61) 3325-6206.

Edital de seleção para o Brasília Cênica

Inscrições até 26 de junho
Preencher o formulário no site da Secretaria de Cultura
Entregar os documentos no protocolo da pasta (Via N2, Anexo do Teatro Nacional Claudio Santoro) e enviar para o e-mail brasiliacenica@gmail.com

Oficinas para esclarecer dúvidas

Na Subsecretaria de Políticas de Desenvolvimento e Promoção Cultural (Via N2, Anexo do Teatro Nacional Claudio Santoro)
3 de junho
Às 15 horas
19 de junho
Às 19 horas

Seja o primeiro a comentar on "Brasília Cênica vai escolher 10 entidades civis para ocupar espaços culturais"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*