Lideranças comunitárias de Taguatinga elegem dez prioridades para a cidade

Taguatinga vai sediar sessão da CLDF no dia 29 de junho

Como parte do projeto “Câmara em Movimento”, a Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou na última sexta-feira (16), à noite, oficina preparatória com lideranças comunitárias de Taguatinga. A região administrativa, que completou 59 anos este mês, vai sediar sessão itinerante do Legislativo local no próximo dia 29, quando a Casa deve encerrar os trabalhos legislativos do semestre. Durante a oficina, os moradores elencaram dez demandas prioritárias para a cidade.

Saúde, educação e segurança pública despontam, como de costume, entre as prioridades (ver lista abaixo). Merece destaque a reivindicação de estruturas de combate à violência contra a mulher, como o pedido de instalação de uma Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) e de funcionamento em período integral da Seção de Atendimento à Mulher (SAM).

Coordenada pela Escola do Legislativo da CLDF (Elegis) e ministrada por técnicos da Casa, a oficina envolveu capacitação sobre o processo legislativo, orçamento público e ferramentas de participação popular.

Demandas prioritárias

– Construção de creche para atender QNL;

– Requalificação de espaço público (Taguacenter/Mercado Norte);

– Instalação de uma Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam);

– Ampliação do número de médicos no Hospital de Taguatinga;

– Requalificação do Taguaparque;

– Atendimento em horário integral na Seção de Atendimento à Mulher (SAM) às vítimas de violência;

– Alargamento da Avenida Samdu;

– Reforma do HRT;

– Revitalização da entrada e centro de Taguatinga;

– Instalação de um Núcleo de Atendimento às Famílias e aos Autores de Violência Doméstica (NAFAVD) na cidade.

Seja o primeiro a comentar on "Lideranças comunitárias de Taguatinga elegem dez prioridades para a cidade"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*