Seminário debate políticas para melhorar a segurança pública no País

Conferência de encerramento ocorreu na tarde desta quarta-feira (21) no Instituto Brasileiro de Direito Público, com a presença do governador Rollemberg e do ministro Gilmar Mendes

Depois de dois dias de debates sobre o sistema criminal e a segurança pública no Brasil, terminou nesta quarta-feira (21) o 7º Seminário Internacional de Direito Administrativo e de Administração Pública, com uma conferência no auditório do Instituto Brasileiro de Direito Público (IDP).

Um dos conferencistas da cerimônia, o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, elencou as realizações da sua administração no combate à violência e estabelecimento de uma cultura de paz, com redução dos principais indicadores de criminalidade.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes; o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg; e o deputado e advogado português, Vitalino Canas.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes; o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg; e o deputado e advogado português Vitalino Canas. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

Segundo o governador, os resultados têm sido animadores. “Nós estudamos casos de segurança de outros estados, especialmente Pernambuco, para formulação do programa Viva Brasília – Nosso Pacto pela Vida, e criamos ações públicas com base nisso”, explicou.

“Em Brasília, nós usamos tecnologias para definir estatísticas das áreas com mais crimes e criar ações com essas informações”Rodrigo Rollemberg, governador de Brasília

Ele destacou o uso de inteligência como uma das marcas de sua gestão na definição de ações de segurança. “Aqui em Brasília nós usamos tecnologias para definir estatísticas das áreas com mais crimes e criar ações com essas informações.”

Rollemberg fez a conferência com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, e o advogado e deputado português Vitalino Canas. “A exposição do governador mostra que a situação de Brasília apresenta um quadro positivo, mesmo se relacionada com outras capitais”, comentou o ministro.

Segundo Mendes, uma das questões fundamentais debatidas no seminário diz respeito às superlotações em presídios no Brasil. “Hoje temos 300 mil vagas no sistema, mas 700 mil internos”, observou.

Nos dias 20 e 21, os painéis do seminário levantaram discussões sobre segurança pública no Brasil com base no sistema criminal. Todo ano, o evento é organizado pelo instituto e pela Fundação Getúlio Vargas (FGV Projetos), com apoio da Escola de Administração de Brasília (EAB).


Seja o primeiro a comentar on "Seminário debate políticas para melhorar a segurança pública no País"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*