Banrisul disponibiliza R$ 2,2 bilhões em novos recursos

O Banrisul anunciou, nesta quarta-feira (28), os recursos disponibilizados para o Plano Agrícola da Safra 2017/2018 aos produtores rurais do Rio Grande do Sul. O total é de R$ 2,2 bilhões, que serão alocados diretamente em operações de crédito rural. Desse valor, R$ 1,1 bilhão referem-se a custeio, R$ 600 milhões para comercialização e R$ 500 milhões para investimento.

Estão previstos financiamentos para agricultores familiares (Pronaf), médios produtores rurais (Pronamp) e agricultores empresariais, além de cooperativas de produção agropecuária, agroindústrias, beneficiadores, cerealistas e demais empresas do setor. Os itens financiáveis abrangem o Plano Agrícola da Safra 2017/2018 arroz e feijão), hortifrutigranjeiros, custeio pecuário, linhas para comercialização e investimentos (aquisição de animais, Programa ABC, Inovagro, Pronaf Mais Alimentos, Procap-Agro), e demais linhas para o segmento.

Para esta safra, os limites de crédito do custeio agrícola e pecuário são, para o Pronaf, de até R$ 150 mil; para o Pronamp (pessoa física e jurídica), de até R$ 750 mil; e para os agricultores empresariais (pessoa física e jurídica), o limite é de até R$ 1 milhão. As taxas de juros variam de 2,5% até 13% ao ano.

Neste ano, o Banrisul vai iniciar o recebimento de propostas de financiamento na próxima segunda-feira (3). Assim, o banco disponibiliza recursos aos produtores na época adequada para que adquiram os insumos antecipadamente e, dessa forma, seja facilitada a implantação de suas lavouras com redução de custos.

Para mais informações sobre a safra agrícola 2017/2018, o produtor rural deve procurar a rede de agências do Banrisul a partir da próxima semana.

Lançamento

Na cerimônia de lançamento do Plano Sagra gaúcho, que ocorreu na manhã desta quarta-feira (28), em ato no Palácio Piratini, em Porto Alegre, foram assinados protocolos de intenção de financiamentos entre o Banrisul e os produtores rurais André Roberto Maelher, para custeio de soja e milho, de Humaitá; Edson Ari Farias Loreto e Guerti Ida May Milbradt, para custeio de arroz, de Restinga Seca; Igor Rech, para produção de hortifrutigranjeiros, e Eduardo Joaquim Riva, para construção de uma estufa, ambos de Caxias do Sul.


Seja o primeiro a comentar on "Banrisul disponibiliza R$ 2,2 bilhões em novos recursos"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*