Procon Goiás apreende mais de 21 toneladas de produtos em 64 municípios no 1º semestre de 2017


O Procon Goiás divulga balanço de suas ações realizadas durante o primeiro semestre de 2017. Ao longo dos primeiros seis meses do ano, o órgão estadual de defesa dos direitos do consumidor atendeu mais de 87 mil pessoas (um aumento de 10% aos números do primeiro semestre de 2016), realizou treze pesquisas e apreendeu mais de 21 toneladas de produtos em 64 municípios de todo o estado.

87 mil atendimentos

O Procon Goiás oferece aos consumidores goianos várias formas de atendimento: pelo telefone 151, por meio do Procon Web e também presencialmente na sede da superintendência e em 15 unidades de atendimento Vapt-Vupt na capital.

Ao todo, neste primeiro semestre de 2017, o órgão realizou 87.500 atendimentos em todas as modalidades. Em contrapartida, os 34 Procons municipais conveniados realizaram juntos 38.738 atendimentos, totalizando 126.238 atendimentos ao consumidor goiano.

99,87% de consumidores satisfeitos

No 1º semestre de 2017, o índice de satisfação dos consumidores atendidos atingiu 99,87%, o que revela a satisfação do povo goiano com a qualidade dos serviços prestados por esta superintendência.

6.842 atendimentos online

Criado em 2014, o Procon Web, plataforma de atendimento virtual do órgão, tem se consolidado como mais uma alternativa ágil e rápida para o consumidor registrar suas demandas. No 1º semestre de 2017, 6.842 atendimentos foram realizados nesta plataforma, um aumento de 79% em relação ao mesmo período de 2016.

Governo Junto de Você

O Procon Goiás participou de todas as 22 edições dos programas itinerantes do Governo de Goiás – Governo Junto de Você e SSP Junto de Você – em 2016. Durante o primeiro semestre deste ano, o órgão participou de quatro edições do Governo Junto de Você realizadas nas cidades de Goianira, Senador Canedo, Águas Lindas e Planaltina.

proconDisque Denúncia – 151

O Procon Goiás atende através da Central Disque Denúncia – Fone 151 em Goiânia e região metropolitana, e através do telefone (62) 3201-7100 as cidades do interior, às dúvidas, reclamações e denúncias de consumidores de todo o Estado de Goiás.

Em 2016, foram ampliadas as linhas telefônicas e a quantidade de atendentes para melhorar o atendimento telefônico. Com esse aprimoramento, no 1º semestre de 2017 foram recebidas 35.858 ligações telefônicas, resultando num aumento de 10,92% em relação ao mesmo período de 2016.

81,64% de êxito em 4.876 negociações

O Procon Goiás oferece à população goiana o serviço de negociação de dívidas com a finalidade de auxiliar os consumidores na obtenção de acordos e na prevenção do superendividamento.

Essa negociação é feita por atendentes capacitados para intermediar a negociação ou renegociação de dívidas entre os consumidores e as empresas credoras. A superintendência também promove palestras orientativas sobre o controle do orçamento doméstico.

No 1º semestre de 2017, foram realizadas 4.876 negociações junto às empresas credoras, obtendo 81,64% de êxito nas tentativas de acordo.

Audiências de conciliação

O Procon Goiás realizou 1.964 audiências de conciliação com o objetivo de harmonizar as relações de consumo. Desse total, 55% das audiências realizadas resultaram em acordos que eliminaram ou minimizaram os conflitos decorrentes das relações consumeristas.

Cejusc

Em 19 de maio, foi inaugurado o Oitavo Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc). Trata-se de uma unidade do Poder Judiciário instalada na sede do Procon Goiás, por meio de um Acordo de Cooperação Técnica, entre esta Superintendência e o Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO). O Cejusc visa promover a solução de conflitos por meio da conciliação. O acordo celebrado entre as partes na audiência de conciliação do Procon Goiás é homologado pelo Juiz do 10º Juizado Especial Cível e Coordenador do 8º Cejusc, Fernando Melo, e vale como título executivo judicial, que poderá ser executado na justiça no caso de descumprimento. As audiências de conciliação do Cejusc são realizadas na sede do Procon Goiás, na Rua 08, no Centro da capital, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18 horas.

nucleo de inteligencia procon goiasNúcleo de Inteligência

O Subsistema de Inteligência funciona na sede do Procon Goiás, e foi criado com a missão de produzir inteligência estratégica, tática e operacional, transformando dados em informação qualificada para orientar, de forma tempestiva e proativa, as atividades de prevenção e defesa dos consumidores goianos e a atuação de fiscalização das relações de consumo.

O Subsistema de Inteligência permite a adoção de providências, antes que os problemas potenciais se materializem ou tomem proporções excessivas, representando todo o esforço do órgão em uma maior eficiência no trabalho de atendimento e fiscalização das demandas consumeristas, passando pelo compartilhamento de informações com os demais órgãos estaduais de inteligência.

O trabalho do Subsistema de Inteligência fundamenta-se nos princípios da Supervisão Baseada em Riscos, no sentido de direcionar as ações de atendimento, fiscalização e supervisão em consonância com a complexidade e os riscos identificados nos mapeamentos.

15.622 cálculos para consumidores com 81,64% de êxito

No 1º semestre de 2017, o Procon Goiás realizou 13 pesquisas de preços de produtos e serviços em Goiás, visitando 238 estabelecimentos comerciais, com um total de 606 itens pesquisados.

Além da realização de mais de duas pesquisas por mês, foram mais de 15 mil cálculos realizados, fornecendo laudos técnicos para 4.876 consumidores renegociarem suas dívidas com fornecedores ou entrarem com ações na justiça. 3.981 consumidores tiveram êxito nas negociações, um percentual de 95,18%.

mel procon121 toneladas de produtos apreendidos

O Procon Goiás realizou fiscalizações em 64 municípios goianos, além da capital e cidades do entorno no 1º semestre de 2017. Ao todo, a fiscalização emitiu 2.200 documentos, entre autos de infração e apreensão e outros.

Foram fiscalizados supermercados, lojas, instituições bancárias e de ensino, hospitais, bares, restaurantes, postos de combustível, operadoras de telefonia e diversos outros estabelecimentos comerciais. Ao todo, foram apreendidas 5.815 litros de líquidos e 15,4 toneladas de produtos sólidos retirados de circulação, inutilizados e descartados.

Capacitação

A EEDC – Escola Estadual de Defesa do Consumidor realizou no 1º semestre de 2017, 34 Cursos/Palestras educativas para fornecedores e consumidores em geral, contemplando um público de 589 pessoas, que receberam orientações sobre os direitos básicos do consumidor, informações aos fornecedores e consumidores quanto aos seus direitos e deveres, com vistas à melhoria do mercado de consumo, além da capacitação e qualificação dos servidores/atendentes.

Seja o primeiro a comentar on "Procon Goiás apreende mais de 21 toneladas de produtos em 64 municípios no 1º semestre de 2017"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*