Mais de 11,7 mil pessoas são beneficiadas com água potável no oeste baiano

Governador Rui Costa inaugura o Sistema Integrado de Abastecimento de Água, no município de Cristópolis - Foto: Pedro Moraes/GOVBA

Três municípios do extremo oeste baiano passaram a contar com água tratada e de qualidade. Mais de 11,7 mil moradores de Cristópolis, Cotegipe e Angical superaram a escassez com a inauguração de um Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA), na manhã desta sexta-feira (21), na sede de Cristópolis.

O sistema faz parte do Programa Mais Água para Todos e foi construído pela Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb). A obra representa um investimento de R$ 29 milhões, com recursos do Ministério da Integração e Governo da Bahia, através do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Funcep).

“É uma alegria enorme de entregar esse sistema de água. São 160 km de tubulação pra levar água pra várias localidades rurais em três municípios. Com certeza a alegria do povo expressa no abraço, no sorriso, representa a satisfação por ter água de qualidade. Levar água potável é levar saúde e dignidade pras famílias, pra casa das pessoas”, afirma o governador.

O SIAA atende as localidades de Missões de Aricobé, Brejo das Missões, Aricobé, Riachão e Lontra no município de Angical; Cantinho e sede municipal de Cristópolis e Reforma São Francisco de Assis, em Cotegipe. A família da cozinheira Ivandite de Azevedo foi uma das beneficiadas. Segundo a moradora de Cristópolis, tudo melhorou .

“A gente chegava a ficar três dias sem água. Era um horror. Mas agora temos água boa, docinha”, comemora Ivandite.

As melhorias já impactaram também na saúde. “Quando tinha água, era salgada. Muita gente tinha dor de barriga ou pedra nos rins. Água potável traz muitos benefícios para a saúde das pessoas. As doenças devem ser cada vez mais raras por aqui”, destaca a dona de casa, Eliene Ferreira.

O manancial utilizado para a captação da água é o Rio Grande, na localidade Jupaguá, onde a Cerb implantou uma estação flutuante. O empreendimento conta ainda com seis estações elevatórias, sistema de adução, estação de tratamento, casa química, sete reservatórios e rede de distribuição com 3.321 ligações domiciliares.

Outras ações

Cumprindo agenda extensa no oeste do estado, o governador entregou sete tratores e implementos agrícolas para produtores dos municípios de Cristópolis, Wanderley, Santa Maria da Vitória, Jaborandi, Santana e Serra Dourada e duas caçambas para a cidade de Mansidão. Além disso, foram concedidos 2.655 certificados de Cadastro Ambiental Rural a proprietários de terra da região. O documento será obrigatório, a partir de dezembro, para que agricultores possam renovar ou solicitar empréstimos junto às instituições financeiras.

“Fico muito feliz. Tenho um terreno de herança e pretendo fazer uma casa nele. O certificado é importante para buscar empréstimo para a criação de galinha e gado que lá tem espaço”, afirma a proprietária de um dos terrenos cadastrados, Zileide Lopes da Silva.

Na Bahia, quatrocentos mil estão garantidos, dentro de um universo de setecentos mil agricultores familiares. O cadastro pode ser feito por meio dos sites das secretarias do Meio Ambiente (Sema) e de Desenvolvimento Rural (SDR). É necessária a escritura e a delimitação do terreno. Nos casos em que o proprietário não obtiver a escritura, é fundamental a apresentação de documento de posse do imóvel reconhecido e validado pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais.

As ações itinerantes de cidadania também levaram serviços básicos à população. O SAC Móvel garantiu a emissão de documentos como RG, CPF, comprovante de residência e carteira de trabalho, enquanto o Odontomóvel levou atendimento odontológico gratuito, com limpeza, extração, obturação e canal.

Seja o primeiro a comentar on "Mais de 11,7 mil pessoas são beneficiadas com água potável no oeste baiano"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*