Sesau trabalha para reduzir óbitos neonatais


A Sesau (Secretaria Estadual de Saúde), em conjunto com o Ministério da Saúde e o município de Boa Vista, iniciou a elaboração do Plano de Ação da Estratégia Qualineo, para reduzir o número de óbitos em recém-nascidos de até 28 dias de vida e qualificar a atenção no HMINSN (Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth).

O projeto deve ser finalizado em setembro e executado em até dois anos. A primeira medida foi a realização de uma oficina de qualificação, encerrada na última quarta-feira (16), quando foram discutidas as primeiras propostas do Plano de Ação, por membros do Ministério da Saúde, profissionais do HMINSN, Atenção Básica, HCSA (Hospital da Criança Santo Antônio) e Vigilância em Saúde do município.

“A partir do Plano de Ação vamos definir as próximas atividades da Estratégia Qualineo a curto, médio e longo prazo”, disse o gerente do Núcleo de Ações Programáticas de Saúde da Criança, Hudson Machado.

O gerente ressaltou que já existem ações desenvolvidas para melhorar a qualidade de vida dos recém-nascidos, como o Método Canguru e o Banco de Leite Materno que também serão reforçadas.

Além da discussão das propostas, também foi debatido o fortalecimento das atividades já desempenhadas com relação à saúde da criança como a doação de leite materno, incentivo da amamentação até os seis meses de vida do bebê, pré-natal de qualidade e demais ações.

Antes da finalização do Plano, os participantes da oficina voltarão a se encontrar em três reuniões, uma ainda este mês e outras duas em setembro, para novos debates das propostas e verificar o que pode ou não ser realizado.

OFICINA

Na oficina encerrada na última quarta (16), os profissionais analisaram casos reais de recém-nascidos para identificar soluções de problemas e orientação correta aos profissionais com relação à assistência aos bebês e às mães.

Ainda como parte das primeiras medidas tomadas após assinatura do termo de adesão à Estratégia Qualineo, foi realizada na última terça-feira (15) uma visita técnica ao HMINSN, onde a estrutura física da unidade foi avaliada de forma positiva, mas detectando melhorias a serem praticadas, como atenção e cuidados às mães e aos bebês, fortalecimento de ações já realizadas e desenvolvimento de trabalho integral entre os profissionais que trabalham com recém-nascidos.

Seja o primeiro a comentar on "Sesau trabalha para reduzir óbitos neonatais"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*