Como escolher o alimento ideal para o seu cachorro?

*Por René Rodrigues Júnior

Animais de estimação são vistos como amigos e, até mesmo, membros de uma família. O cão, por exemplo, é considerado o melhor amigo do homem. São inteligentes, trazem alegria para o lar, lidam bem com as crianças, além de serem companheiros fiéis. Porém, para cuidar de um cão é preciso muita responsabilidade, já que exige cuidados. Assim como os seres humanos, eles sentem frio, ficam doentes, precisam de banho, de passeio e, principalmente, de uma alimentação muito bem balanceada.

Aliás, você sabia que a alimentação pode interferir no desenvolvimento do seu animalzinho? Diante disso, a primeira pergunta que vem à cabeça é: como escolher o melhor alimento? Essa é uma questão muito importante, principalmente para donos de primeira viagem que nunca tiveram um cachorro. O primeiro ponto é procurar sempre por uma marca idônea. O segundo é escolher o produto ideal para a fase de vida em que o animal se encontra.

Normalmente, os alimentos para cães são divididos em duas categorias: filhotes e adultos. A principal diferença deles é que os filhotes estão em fase de crescimento e precisam de mais nutrientes, energia e proteínas para se desenvolverem de maneira adequada. Já o adulto precisa se manter no peso ideal. Para isso, é necessário um alimento com nutrientes apropriados à raça, porte, nível de atividade física entre outros fatores.

E você sabe do que é feito o alimento do cão? Dependendo do segmento, existem alguns ingredientes diferentes, mas a base feita é sempre composta por proteínas, carboidratos, vitaminas e minerais. O alimento é completo e balanceado, ou seja, contém todos os nutrientes que o animal precisa e em quantidade adequada.  É importante reforçar que não se deve suplementar ou misturar restos de comida, como arroz, fubá, carne etc., pois existe o risco de desbalancear a quantidade de nutrientes que o cão precisa.

No mercado, existem inúmeros tipos de alimento, entre eles, os Premium e os Super Premium. E qual a diferença entre os dois?  Alimentos Premium são aqueles de excelente qualidade, com todos os nutrientes necessários e que possuem ingredientes funcionais, que melhora a saúde intestinal do animal e a absorção de nutrientes. Já a categoria Super Premium conta com uma densidade energética maior, na qual os nutrientes estão concentrados para dar mais energia e proteína. Além disso, o volume de alimento dado ao cão deve ser menor, ou seja, quanto menor o volume de alimento, menos fezes.

Outro ponto importante que devemos alertar é que não se deve dar um alimento Super Premium como Premium, pois existe uma diferença na quantidade servida ao cão e isso pode gerar um déficit ou um excesso na alimentação. Portanto, oferecer a quantidade e o alimento correto ao animal é de extrema importância para a manutenção da sua saúde.

Além de todas as questões já abordadas, é necessário falar também sobre o armazenamento, pois o alimento deve ser guardado em um lugar fresco e em um recipiente com tampa fechado, para evitar a entrada de umidade, insetos e criação de bolor. Não se deve colocar na lavanderia ou deixar o saco aberto diretamente no chão.

Na dúvida, consulte sempre um médico veterinário. Ele poderá indicar a quantidade e o melhor tipo de alimento que se adeque ao seu amigo, já que cada porte de cão possui um metabolismo diferente.

 

* René Rodrigues Junior é médico veterinário da Magnus, fabricante de alimentos para cães e gatos.

Seja o primeiro a comentar on "Como escolher o alimento ideal para o seu cachorro?"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*