Envelhecer bem: Especialista dá dicas para aumentar a qualidade de vida na terceira idade

Cuidar da saúde é uma questão que vai muito além da estética, se trata de qualidade vida. O assunto se torna ainda mais importante quando se considera a população de mais idade, especificamente o grupo denominado “60+”. Quando o assunto é envelhecimento saudável, é necessário reavaliar os hábitos dos idosos – buscando a qualidade efetiva, que exige mudanças na rotina e no modo de viver.

Segundo Priscilla Mussi, médica geriatra e idealizadora da clínica Cuidar Sempre, focada no atendimento de pacientes idosos, existem algumas formas de cuidado e medidas que esse público pode aderir para otimizar as suas vidas, deixando a saúde mental e física ainda mais forte. “Deve-se adotar medidas importantes para melhorar a qualidade de vida e diminuir as chances de demência, infartos e AVC, por exemplo. Para que consigam viver bem, de fato, até o fim”, afirma a especialista.

O papel da geriatria, então, é de cuidar, orientar, acolher e tratar o idoso como um todo. Realizando esse serviço, a clínica Cuidar Sempre reforça o trabalho de Priscilla, orientando os idosos sobre risco de queda e como evitá-las, vacinação adequada e ajuste de medicações, já que nem sempre as que se tomava quando jovem podem continuar a serem utilizadas na terceira idade.

Além disso, também orientam os pacientes sobre quais atividades físicas podem ser realizadas, quais trazem mais benefícios e mudanças na dieta que valem a pena. “Nos meus atendimentos, sempre friso que não podemos mudar o que já aconteceu, mas que a decisão de mudar daqui para frente é só nossa. Assim, ajudamos também a família a compreender essa nova fase e a apoiar os idosos em novas decisões e vontades”, explica a geriatra.

Confira algumas dicas da especialista em geriatria, Priscilla Mussi, para alcançar uma vida ainda melhor na terceira idade:

  1. Evitar exageros em geral

Tudo em excesso pode fazer mal, e, com certas bebidas e alimentos, não é diferente. O consumo alto de bebidas alcoólicas e comidas com gordura ou açúcar podem se tornar um veneno para os idosos. Por isso, é importante focar nos alimentos e bebidas ricas em vitaminas e minerais, como frutas, verduras, sucos naturais e vitaminas.

  1. Realizar atividades físicas

A saúde física é uma grande aliada na hora de envelhecer bem. Exercitar o corpo regularmente faz com que as outras coisas da vida sejam feitas com mais vontade e disposição, tornando o dia mais proveitoso e trazendo boas mudanças corporais. Além do mais importante: eleva a expectativa de vida.

  1. Diminuir estresse

O estresse é algo que atinge diretamente a qualidade de vida. Nesta fase, é comum que os mais velhos contem com uma vivência maior, nas mais variadas situações. Com isso, é importante que usem da sua sabedoria para não se importar com problemas pequenos ou desnecessários, evitando assuntos que não vão lhes acrescentar muito ou comprometer que aproveitem a vida.

  1. Vida social ativa

Outro ponto de extrema utilidade também para evitar o estresse é possuir uma vida social ativa. Não há nada melhor para se manter alegre do que realizar atividades ao lado de amigos, sair para jogar ou simplesmente botar o papo em dia. Todas essas práticas são recomendáveis, pois geram troca de afetos, experiências e ideias.

  1. Estar sempre em contato com um médico

Essa dica serve não apenas para os 60+, mas para todos. Realizar sempre consultas pontuais e manter a periodicidade com seu médico é um método de cuidado e de prevenção. Para os idosos, o geriatra deve ser como seu melhor amigo. Clínicas como a Cuidar Sempre realizam este trabalho com os mais variados serviços disponíveis, garantindo uma vida mais leve e saudável a estes pacientes.

Seja o primeiro a comentar on "Envelhecer bem: Especialista dá dicas para aumentar a qualidade de vida na terceira idade"

Faça um Comentário

Seu endereço de email não será mostrado.


*